7 de janeiro de 2011

Colocar a vida em perspectiva

Ontem, ao mesmo tempo que jantávamos alegremente em família, um conhecido meu - mas amigo do meu Rei - estava a ser operado a um tumor. Maligno.
Foi descoberto há coisa de dias e o que antes parecia ser apenas um pequeno sinal junto a um olho, revelou-se, agora, um tumor. Maligno.
Acho que só a palavra tumor já assusta, mas se for conjugado com a palavra maligno, ajuda-nos a colocar toda a nossa vida em perspectiva. O que é realmente importante? A que dar maior importância? Com que nos devemos ralar verdadeiramente, se é que nos devemos ralar com alguma coisa? Para mim, sei que o essencial é estar de bem comigo, ter tempo para dar aos outros e ter tempo para mim, ter saúde e ver os meus com saúde e felizes. Essa é a minha perspectiva.
Soube, também, ontem, que a Aleinad desapareceu e isso também me deixou bastante triste. Não a conhecia, seguia esporadicamente o blog, mas choca-me sempre quando alguém tão jovem perde a vida.
«Alguns quilinhos a mais, que pretendem ser eliminados... sou amiga, companheira, tento ser bem disposta... mas acima de tudo neste momento considero-me uma VENCEDORA!», dizia ela. Não venceu esta luta, mas nós concordamos!

------------------------------
Sim, eu ODEIO FAZER DIETA.

6 comentários:

boneca de porcelana disse...

Apesar de não ter vencido esta luta, ela foi uma vencedora :) Espero que o teu amigo fique bem :)

catia disse...

Por isso é que devemos aproveitar sempre cada momento! Estar de bem com a vida, com os outros e acima de tudo connosco!! Tenho a certeza que vai correr tudo bem!

P.S - Sim, sou eu! hehehe!
CMS

catia disse...

Por isso é que devemos aproveitar sempre cada momento! Estar de bem com a vida, com os outros e acima de tudo connosco!! Tenho a certeza que vai correr tudo bem!

P.S - Sim, sou eu! hehehe!
CMS

Rosa Pink disse...

Eu também estive a rever o blog dela e fiquei sensibilizada nessa parte! Estes acontecimentos marcam muito mas felizmente tivemos o privilégio de partilhar um pouco da vida dela, certo? Beijos

Alexandra disse...

Às vezes temos tendência para nos desviar do sentido da vida com probleminhas, stress, sei lá... Quando o que realmente importa é estar com os que amamos e sermos saudáveis.
Sê feliz...
Abraços

Pintainha Gordinha disse...

Devemos todos andar alerta aos sinais que o nosso corpo vai dando e apostar nos exames de rastreio. Existem muitas situações que quando detectadas precocemente possuem um prognóstico favorável.

Não conheci a Aleinad, nem seguia o blogue dela, é muito triste que a história dela tenha tido este final. Acho que devemos olhar para o caso dela e aprender, um auto-exame da mama todos os meses e o não ignorar um caroço na mama que eventualmente encontre-mos, pode salvar a nossa vida, e isto é válido para mulheres e homens.

As melhoras para o amigo do teu "Rei", ele precisa do vosso apoio agora.

Mudando de assunto, para algo mais alegre, tens 2 selinhos para ti no meu blogue (3º e 4ºselinhos).

Beijinhos,
Pintainha Gordinha